Como o cálculo do ROI pode ajudar na locação de equipamentos?

  • Gestão

Toda empresa precisa fazer uma boa gestão de recursos para manter a saúde financeira do seu negócio. Muitas vezes temos que investir em equipamentos, ferramentas, estratégias, tecnologias, treinamentos e com isso surge o questionamento: o dinheiro está sendo bem direcionado?

Pensando nos equipamentos, já que nem sempre uma aquisição imediata vale a pena, podemos buscar opções como a locação. E para saber se optar por esse modelo de compartilhamento de ativos vale o investimento, calcular o ROI pode te ajudar bastante.

Quer entender melhor o conceito por trás do cálculo do ROI e como ele pode te ajudar a mensurar os resultados dos equipamentos que você alugou? Continue lendo.


Locação de Equipamentos – Alugue Online

O equipamento ideal para o seu projeto aqui


O que é o ROI?

Chamado return on investment, ou retorno sobre investimento, o ROI é um indicador que analisa o quanto determinado recurso trouxe de receita para a empresa.

Ele traz informações valiosas para o seu negócio, pois identifica as áreas, processos, ferramentas e estratégias que são mais rentáveis e eficazes, mostrando o que está trazendo mais resultado.

Para isso, é importante diferenciar rentabilidade de lucratividade: uma empresa pode dar lucro, ter um volume de vendas positivo, mas nem sempre será rentável, caso o investimento seja mais elevado do que a receita gerada.

Isso afasta investidores e prejudica o balanço das finanças, pois a longo prazo a empresa não se sustentará. Sendo assim, o ROI se torna uma excelente forma de identificar tais intercorrências.

Quais são as vantagens de mensurar o ROI?

A primeira grande vantagem é a visão imediata e atualizada sobre os seus investimentos, campanhas, eventos, equipamentos, ferramentas e estratégias. Ao verificar o que não está rendendo o bastante para pagar o investimento, você já identifica que aquele recurso pode não ser o melhor para a empresa.

Além disso, o contrário é verdadeiro. As operações que estão trazendo maiores resultados podem abrir margem para maiores investimentos, de tal forma que fortaleça ainda mais o seu negócio.

Por ser um índice matemático, o cálculo do ROI é baseado em dados atualizados e te dá uma resposta objetiva: o retorno pode ser positivo ou negativo. Com isso, você terá mais segurança em tomar decisões, já que os números não mentem.

O ROI ajuda o gestor a perceber o valor real de uma ferramenta, entendendo como o seu uso pode trazer mais resultado para a empresa com o passar do tempo. Porque ele avalia investimentos atuais, junto dos que estão no passado, dando à empresa uma visão concreta sobre o que já foi feito e quanto de retorno trouxe.

Aliás, vale a pena dizer que nem todos os seus recursos precisam ter uma resposta imediata, muito menos expressiva. Algumas estratégias só vão se pagar, e apresentar lucro com o passar do tempo, e você pode usar o ROI para medi-las.

Como calcular o ROI?

Por ser um importante indicador, a ideia de muitos é que este índice é complexo, mas na realidade ele é incrivelmente simples: basta calcular a diferença entre a receita e os gastos, depois dividir esse valor pelos gastos, e por fim, multiplicar por cem.

Dessa maneira, temos primeiro o lucro líquido, retirando do montante o que foi gasto para fazer aquelas vendas. Depois fazemos uma divisão com o valor total do que foi gasto para saber se essa relação é positiva ou negativa.

Para que se expresse em porcentagem, multiplicamos o valor final por cem. Vamos avaliar um exemplo.

Você alugou uma máquina para otimizar a sua produção, que custa a você R$5.000,00 por mês. Ao final de um ano, com a locação da máquina, sua empresa faturou R$360.000,00.

O investimento de 5.000 multiplicado por 12 meses representa R$60.000,00. Subtraindo esse valor de 360.000, temos um montante de R$300.000. Depois dividimos pelos 60.000, chegando ao indicador 5, que ao multiplicar por 100, encontramos o valor final de 500.

Dessa forma, o ROI da operação é 500%, mostrando que o seu investimento fez um lucro cinco vezes maior do que o valor pago pela locação.

Usando o ROI de forma correta

Apesar dessa técnica ser simples e eficaz, é essencial ter consciência de como esse índice deve ser calculado e comparado, garantindo que seu uso não vai apresentar vieses que comprometem sua interpretação.

Em primeiro lugar, use o ROI para cada um dos seus investimentos, não mensure como se tudo tivesse a mesma origem. Dessa forma, como você pode garantir quais deles estão performando bem e quais não estão?

Se você tem cinco máquinas locadas, calcule o ROI de cada uma separadamente, para receber um diagnóstico mais fidedigno.

No cálculo que fizemos, usamos números simplificados para facilitar a compreensão, mas lembre-se sempre de descontar os demais custos de produção para não ter um falso positivo. Assim você terá certeza que o investimento está gerando tal receita.

Lembra que você pode usar o ROI para mensurar investimentos passados? Ele é eficaz nisso, a menos que você tente calcular momentos diferentes, e com isso terá uma visão distorcida do sucesso daquelas operações.

Se foi investido anos atrás na locação de um equipamento e agora recebeu um novo investimento para o mesmo maquinário, investigue as situações separadamente, para então comparar os resultados.

O cálculo do ROI e a locação de equipamentos

Toda empresa precisa de equipamentos e recursos específicos, mas nem sempre é possível adquirir as ferramentas necessárias pelo alto custo, principalmente para as empresas pequenas e iniciantes.

Nesse contexto, a locação pode ser tanto uma solução imediata quanto uma solução definitiva, e ter os valores do ROI atualizados norteiam as decisões logísticas.

Voltando ao cálculo que fizemos anteriormente: vamos supor que a máquina custe R$300.000,00. Nesse contexto, você pode alugá-la até conseguir o capital necessário para investir na sua aquisição.

Mas se os custos de manutenção, transporte e armazenamento são muito elevados, por que não deixar que a locadora se preocupe com eles enquanto você apenas usufrui o equipamento e o retorno financeiro que ele traz à sua empresa?

Portanto, o cálculo do ROI é uma forma excelente de gerir os seus investimentos e tomar decisões, ajudando a sua empresa a se desenvolver. E para avaliar o custo-benefício da locação de maquinário, o ROI é um grande aliado.

Para checar as melhores opções do mercado e ter exatamente o que o seu negócio precisa, conte com a Armac e nosso vasto acervo. Entre em contato conosco para fazer um orçamento!