Como fazer a limpeza de equipamentos pesados em tempos de coronavírus?

  • Manutenção

Como estamos acompanhando, o mundo passa por um momento delicado no combate ao coronavírus. Por conta das medidas de contenção, é comum que o setor produtivo dê uma esfriada, contribuindo para a desaceleração do contágio — e é sobre isso que precisamos falar com você hoje!

Afinal, é importante reforçar que, apesar de difícil, esse é um episódio passageiro, como tantos outros que já vivemos. Por isso, elaboramos este post especial sobre a limpeza de equipamentos pesados, pois o nosso objetivo é propagar boas práticas operacionais, garantindo que a sua retomada seja tão segura quanto eficiente. Agora, não perca tempo e acompanhe!

A importância da limpeza de equipamentos pesados

Seja na indústria, no canteiro de obras, na mineração, no agronegócio ou na extração de madeira: todo ambiente de trabalho precisa obedecer às boas regras sanitárias. Afinal de contas, são essas normas que balizam uma convivência higiênica, organizada e digna entre os nossos pares.

Por isso, entendemos que a importância da limpeza dos equipamentos é muito anterior a qualquer crise epidêmica ou pandêmica da nossa história moderna, sendo, na realidade, uma conduta fundamental para a manutenção da segurança no trabalho.

No entanto, precisamos lidar com as condições do momento. Tanto o Brasil como a maioria dos países no mundo estão vivenciando um episódio delicado para a saúde pública, com a pandemia de Covid-19, a doença provocada pelo coronavírus.

Sendo assim, esse é um daqueles momentos determinantes para reforçarmos as boas práticas e implementar outras novas, fazendo o possível para desacelerar o problema, proteger a comunidade e recuperar o curso natural das coisas, tanto na rotina econômica como produtiva.

Então, essa é a mentalidade que as pessoas em posição de liderança precisam ter na indústria, na construção civil, no agronegócio ou nos demais setores. Não há motivo para pânico, medo ou receio, mas é sim um momento de higiene, cuidado e empatia pelo próximo.

É justamente por isso que a limpeza dos equipamentos se encaixa como uma luva sobre esse tema. Afinal, máquinas sempre contam com painéis operacionais, que não por acaso, são operadas por mais de uma pessoa durante o cotidiano de trabalho, seja por conta de uma troca de turnos — seja pela movimentação de cargas, seja por qualquer outro exemplo do tipo.

Tantos os painéis como as demais superfícies de toque, como botões, alavancas, manoplas, vidros, bancos e afins, são possíveis pontos de contágio. Logo aqui, pode haver quem diga: ah, mas não precisa disso, já conscientizei a equipe com vídeos de boas práticas e recomendações do que fazer!

Beleza, digamos que os seus operadores saibam, por exemplo, que não devem tossir diretamente sobre a mão, mas sim sobre o antebraço. Ainda assim, um colaborador infectado e que não sabe de sua condição, pode esbarrar o antebraço na porta da cabine da escavadeira durante a sua saída.

Mais tarde, outro colaborador vai assumir a máquina, que não foi limpa e, ingenuamente, toca na superfície infectada para se apoiar durante a entrada. Daí, basta uma coçada no olho, um mordiscar de unhas e pronto, uma nova pessoa foi infectada.

As melhores práticas para a proteção da sua equipe

Então, com o objetivo de zelar pelos colaboradores, a limpeza deve ser colocada em prática! Agora, acompanhe as nossas dicas sobre o tema!

Limpeza periódica das superfícies de toque nos equipamentos de trabalho

Aqui na Armac, temos um padrão operacional para isso. Basicamente, após cada turno, o próprio operador deve utilizar um kit de desinfecção, composto por álcool de alta gradação e uma flanela de tecido.

Com o pano embebido em álcool, o colaborador deve passar bem sobre todas as superfícies de contato, como portas, maçanetas, manoplas, alavancas, volantes e tudo o mais. O objetivo é deixar a cabine desinfectada e segura para o próximo operador.

Utilização individualmente exclusiva dos EPIs

Máscaras, luvas, capacetes e afins. Na realidade, o mesmo vale para copos, talheres e outros utensílios nos demais momentos de convivência. Basicamente, nenhum desses itens deve ser compartilhado. Cada operador deve utilizar o seu próprio Equipamento de Proteção Individual que, sendo descartável, deverá ser substituído conforme o seu prazo de saturação.

Contato estritamente necessário

Mesmo que você seja um líder mais amistoso e próximo, é importante entender o momento. Por isso, você deve conscientizar a equipe de prezar por uma operação mais distante e individual. Os contatos e as conversas devem ser apenas para o que é fundamentalmente importante, evitando qualquer exposição acima do necessário.

Comunicação franca entre colaboradores e supervisores

Sim, a produtividade deve ser protegida em momentos difíceis. No entanto, a saúde dos seus funcionários sempre deve ocupar um ponto de destaque na sua hierarquia de preocupação. Por isso, esse é um momento que pede por abertura e compreensão.

O objetivo aqui é incentivar os seus colaboradores a serem honestos tão logo apresentarem qualquer sintoma da Covid-19. É fundamental agir no afastamento dessa pessoa para que ela possa se recuperar em segurança e, principalmente, sem colocar os seus colegas de trabalho em risco.

A mentalidade adequada a esse momento

Por fim, o que realmente importa nesse período é a serenidade! É uma situação delicada? Sim! A produção pode cair um pouco? Sim! No entanto, essa é uma realidade em que todos estamos juntos: nós, você, o seu concorrente e assim por diante.

Por isso, temos que reforçar uma mentalidade calma e analítica, até mesmo recorrendo à história para perceber que, no fim, tudo passa! Com uma boa dose de otimismo, você pode enxergar essa situação como um momento estratégico para o seu setor e a sua empresa, aplicando as boas práticas não apenas como uma forma de prevenção, mas também de responsabilidade social.

Com essa demonstração de cuidado e preocupação, você mantém o moral da equipe elevado, ameniza o impacto da crise, prospecta novos clientes e ensaia uma recuperação econômica mais vigorosa para quando tudo se resolver.

Você gostou deste post especial com boas práticas para a limpeza de equipamentos pesados? Lembrou de outro procedimento ou boa ideia que pode colaborar com os amigos leitores? Então, aproveite para continuar antenado em mais conteúdos do tipo, seguindo as nossas páginas nas redes sociais: nós estamos no Facebook, LinkedIn e YouTube!

AS MELHORES MARCAS, O MELHOR SERVIÇO, E UM PARCEIRO QUE SEMPRE TEM O MELHOR PREÇO