A importância da escavadeira na mineração

  • Mineração

A escavadeira é uma das máquinas mais importantes na cadeia de produção da mineração, sendo útil em diferentes momentos da operação. Aliás, devido à sua versatilidade e sua força, é um equipamento encontrado também em diversas outras operações, dos mais diferentes segmentos, como logística portuária, florestal, agronegócios e infraestrutura.

A máquina pode desempenhar várias funções importantes dentro dos processos necessários em uma área de extração de minérios. A escavadeira realiza trabalhos de grande escala, como movimentação de solo e rochas, e executa tarefas em que a necessidade é alcançar grandes profundidades. O uso correto deste maquinário garante não só eficiência, como também economia, segurança a todos envolvidos na operação e uma ação mais sustentável naquele determinado ambiente.

Uma caraterística importante da escavadeira hidráulica para a mineração é o possibilidade de se trabalhar com implementos, como os rompedores.

Esse tipo de máquina costuma operar por longos períodos, sempre mantendo a mesma eficiência do início da jornada. Algumas máquinas operam 24 horas por dia, parando apenas para a manutenção. Outros modelos são utilizados por, pelo menos, 13 horas seguidas em um mesmo período de operação.

As principais funções na operação

O trabalho da escavadeira na mineração pode sofrer variações de acordo com a estrutura da operação, o tipo de minério extraído e detalhes como terreno e variações climáticas. Porém, é possível classificar as tarefas mais comuns deste tipo de máquina no atendimento às mineradoras:

Escavação:

  • Um dos processos essenciais em uma operação de mineração. O componente formado por lança e caçamba é responsável pelo ato de escavar o solo e chegar até o local (subsolo) onde estão as reservas minerais. Isso só é possível porque terra, rochas e qualquer outro tipo de obstáculo são retirados pela escavadeira.

Carregamento de caminhões basculantes:

  • Logo após retirar grandes quantidades de terra e rocha (alguns modelos de escavadeiras podem levar em sua caçamba mais de 1m³ de terra), a escavadeira despeja todo esse material em caminhões basculantes, que levam esse material para lugares específicos dentro do campo de operação.

Rompimento de blocos de minérios na planta:

  • Esse trabalho demanda uma máquina resistente e de alta durabilidade. O rompimento de minérios na planta é acelerado, o que garante o benefício de maior produtividade para a mineradora.

Alimentação do britador:

  • Esse equipamento é responsável por quebrar e reduzir o material extraído do solo em partes menores, para que possam ser processados e encaminhados para uma outra etapa do processo de maneira mais prática e eficiente. Quem leva o material e alimenta o britador com as partes maiores que serão quebradas é justamente a escavadeira.

Retaludamento dentro da mina:

  • Mais um processo fundamental dentro da mineração com a participação da escavadeira. O retaludamento dentro da mina é uma prática para tirar aquilo que não é útil para a operação e sem valor em nenhuma fase do processo. É como se fizesse uma “limpeza” para que o trabalho dos profissionais na operação fique mais seguro (com mais espaço de manobra, inclusive) e eficiente. A máquina escava e leva o material de estéril para fora da mina.

Confecção de leiras:

  • Leira é uma proteção, feita com rochas, nas laterais das estradas que servem de acesso à mineradora e dentro da mineradora. A altura da leira deve ser igual a altura do maior pneu que trafega pelo local. É de grande importância para segurança de todos envolvidos na operação e na organização para transporte dos materiais.

Alimentação de hopper/moega:

  • A escavadeira alimenta esse componente, que é usado para estocagem provisória, antes de transportar o material à etapa seguinte do processo. Nele são armazenados rochas e outros materiais. Quem faz o carregamento e o depósito é a escavadeira.

Capacidade de escavação

Alguns itens técnicos se destacam e fazem com que as escavadeiras hidráulicas se diferenciem entre si. Peso, potência do motor, capacidade da caçamba e alcance da lança são alguns deles. Para a mineração, um dos mais importantes é a profundidade de escavação que cada máquina alcança.

Há modelos, como o JCB JS 220 LR, que alcançam quase 13 metros de profundidade de escavação. É possível encontrar, também, máquinas que atingem limites mais próximos da superfície, como a New Holland E145C EVO, que escava pouco mais de 5 metros abaixo do solo.

Ambas são importantes para a cadeia de produção da mineração, cada uma ocupando uma fase do processo, de acordo com as diferentes características de cada operação e ambiente geográfico.

O portfólio da Armac, que tem a maior frota de máquinas pesadas e equipamentos do Brasil, contempla uma ampla variedade de escavadeiras, com alta disponibilidade, tanto para operações contínuas de alta complexidade, como são as de mineração, como trabalhos de curto prazo.

Tipos de mineração

Para entender melhor a importância da escavadeira na mineração em cadeia nacional, é preciso conhecer também os tipos de mineração possíveis de serem praticadas e aquelas mais comuns em território nacional. O método escolhido leva em conta critérios tecnológicos, ambientais, de segurança e o planejamento da vida útil da mina.

A escolha errada de qual tipo adotar para aquele determinado trabalho pode levar desde a uma extração pouco produtiva até violações e graves acidentes ambientais. Vários profissionais são envolvidos no processo de escolha do método ideal, entre eles geólogos e engenheiros. É possível, em casos específicos, a utilização dos dois tipos de mineração que apresentaremos abaixo.

Lavra a céu aberto

Esse método é utilizado quando o minério está próximo à superfície e não necessita de técnicas mais complexas para atingi-lo em grande profundidade. São realizados em encostas, cavas, fatias e lavras por dissolução. Neste tipo de mineração, o trabalho das escavadeiras é fundamental para bons resultados.

Lavra subterrânea

O trabalho abaixo do solo é necessário quando as jazidas de minério são mais profundas e afastadas da superfície. Criam-se túneis subterrâneos e, neste caso, a presença da escavadeira é secundária, porque o maquinário utilizado precisa ser menor em altura, como no caso de alguns modelos de retroescavadeira e pás carregadeiras.

EXPOSIBRAM 2023

A Armac é patrocinadora e participante da Exposibram 2023, o maior evento sobre mineração do Brasil e da América Latina, em Belém (PA), de 28 a 31 de agosto. A feira e o congresso, com presença de empresas internacionais, são vitrines para negócios e para debates de cenários e tendências do segmento. Clique aqui (EXPOSIBRAM 2023) e saiba mais.

Gostou deste conteúdo? Que tal continuar se aprofundando em textos de escavadeiras e mineração? Clique nos links abaixo e boa leitura!

Gerar oportunidades e desenvolvimento para um mundo cada vez mais produtivo e sustentável