Rebocador elétrico: conheça suas características e usos!

  • Logística

Sabemos que diferentes setores costumam ter um problema em comum, a logística. Os desafios logísticos podem estar ligados à quantidade de materiais, peso, fragilidade, prazos etc., sendo assim, fundamental procurar por equipamentos adequados para otimizar esse processo. Nesse sentido, o rebocador elétrico é uma excelente alternativa para o transporte ágil e seguro de cargas — motivo pelo qual o seu uso é cada vez mais adotado por empresas de diversos segmentos.

Se você tem interesse em conhecer mais sobre o rebocador elétrico, suas aplicações e o motivo dele ser o foco desse post, continue a leitura e confira os detalhes!


Aluguel de Empilhadeiras – Locação Online

Os melhores equipamentos de intralogística aqui


O que é e como funciona o rebocador elétrico?

O rebocador elétrico é um equipamento que pode ser usado para movimentar grandes volumes de cargas em empresas, galpões e armazéns. Na prática, essa máquina é capaz de otimizar a sua rotina de trabalho, já que ela proporciona mais agilidade no que diz respeito à movimentação de cargas.

O rebocador elétrico, além de aumentar a produtividade, também reduz os riscos das lesões que têm relação com o manuseio manual de cargas. Assim, podemos dizer que a sua principal função é facilitar o cuidado com materiais, dinamizar as operações e agilizar a movimentação e produção de uma companhia.

Quais são as suas principais aplicações?

Os rebocadores elétricos são equipamentos compactos e fáceis de usar. Por isso, são recomendados especialmente para o uso em lugares que contam com pouco espaço para fazer manobras.

Em geral, eles costumam ser úteis em diversos locais, como:

  • armazéns;
  • centros de distribuição;
  • transportadoras;
  • produção e montagem;
  • hospitais;
  • transporte de materiais;
  • setores de distribuição de produtos;
  • indústrias;
  • docas de carga e descarga;
  • etapas do setor de produção automotiva;
  • ferrovias;
  • aeroportos.

Como ele deve ser utilizado?

Diferente do que ocorre com carrinhos de transporte ou empilhadeiras que trabalham acomodando e elevando embalagens, o rebocador elétrico engata o produto e o desliza de maneira horizontal até o ponto desejado.

O referido engate pode ser feito diretamente no material ou até mesmo com o item a distância, independentemente da distância a percorrer ou da superfície de cada carga.

O rebocador elétrico funciona com base no motor de tração, que gera um transporte mais ágil e com alto controle por parte do operador. Existem diversos tipos de maquinários, com modelos que são mais compactos e, portanto, exigem o trabalho de pé, por exemplo, assim como aqueles que são constituídos por cabines completas e permitem o trabalho do profissional sentado.

Independentemente da acomodação do profissional, o rebocador elétrico opera com volante, pedal e painel de controle — o que permite que a carga seja solta sem que o operador tenha que sair da cabine, tornando possível a atuação até em pequenos locais e com espaços para adaptações de sua estrutura, ao optar pela utilização de acessórios que ajudam na visibilidade do produto transportado.

O maquinário do rebocador elétrico também é reconhecido em razão da qualidade de sua estrutura metálica, com destaque para os seguintes pontos:

  • estabilidade que possibilita um deslocamento tranquilo e sem riscos de acidentes;
  • peças de reposição podem ser encontradas no mercado com facilidade;
  • resistência, se houver a presença de corrosivos ou choques físicos;
  • preço competitivo se comparado com os maquinários que atuam de maneira parecida;
  • durabilidade por causa do seu conjunto de peças e sistemas.

Como escolher o rebocador elétrico ideal?

Para escolher o rebocador elétrico ideal você deve analisar a demanda do seu negócio, já que hoje em dia esse maquinário pode ser usado em diversos ramos.

Anteriormente, eles costumavam ser utilizados basicamente para abastecer as linhas de produção. Contudo, atualmente é possível usá-los para diversas tarefas dentro do fluxo de movimentação de cargas, desde o recebimento até o despacho de materiais. Portanto, os rebocadores podem ser explorados em diversos nichos e operações a fim de assegurar um melhor desempenho da empresa.

Mais um ponto que deve ser levado em consideração é a marca do rebocador elétrico. As melhores marcas do mercado costumam produzir máquinas mais resistentes e eficazes.

Lembre-se que uma excelente alternativa é a locação de máquinas, pois ao optar por essa modalidade você não precisa se preocupar com a manutenção do item e pode sempre contar com um equipamento de ponta para usar em seu negócio.

Quais são as vantagens do rebocador elétrico?

A utilização de rebocadores elétricos é uma excelente maneira de movimentar cargas em grandes distâncias já que, na prática, eles são capazes de gerar um aumento da produtividade com baixo custo. A seguir, vamos apresentar os principais benefícios de usar esse maquinário. Confira!

Alta potência

As novas linhas de rebocadores asseguram segurança e facilidade no transporte de cargas pesadas e volumosas. Existem modelos que são feitos para atenderem a demandas específicas que são pensadas para diversas áreas e segmentos.

O principal diferencial desse maquinário é a sua capacidade de transportar cargas pesadas com mais de 3 toneladas, sem dificuldade.

Facilidade nas manobras

É possível manobrar um rebocador até mesmo em locais apertados em que outros veículos industriais maiores não cabem, como pátios e galpões menores. Isso é possível por causa do seu design estreito que não prejudica a sua capacidade de reboque e de carga.

Aumento de produtividade

Os rebocadores são veículos fortes e pequenos, portanto, robustos. Por essa razão, eles são capazes de rebocar de maneira ágil grandes e pesadas quantidades de itens. Sua manobrabilidade fácil o torna ideal para o transporte rápido de produtos, já que atinge maior velocidade do que as empilhadeiras tradicionais, apesar de não empilhar.

Junto disso, sua movimentação segura e pouco impactada pelo ambiente ao redor em tarefas internas ou externas, o possibilita entregar itens com pouco ou nenhum dano — o que assegura a redução de custos de manutenção do negócio.

Alternativa ecologicamente correta

Os rebocadores elétricos funcionam por meio de baterias recarregáveis ​​e não emitem gases nem poluem o meio ambiente e, portanto, trata-se de uma prática ecologicamente correta.

Se esse equipamento for usado em locais de trabalho ao ar livre, ele é capaz de substituir os motores de combustão ou empilhadeiras.

Agora que você já conhece as principais informações sobre o rebocador elétrico, procure adotar o uso dessa máquina ao seu negócio para usufruir de seus benefícios em seu dia a dia!

Gostou de saber mais sobre os rebocadores elétricos? Então compartilhe o post nas suas redes sociais e mostre para os seus amigos!