Gerador a diesel: entenda como funciona e suas aplicações

  • Máquina

Os geradores a diesel são equipamentos capazes de produzir altas quantidades de energia a partir do processo de combustão do combustível. Esses equipamentos são, costumeiramente, mais robustos e emitem um maior ruído, principalmente quando comparados a outros tipos de geradores.

A partir do processo de queima, é possível alimentar equipamentos e máquinas de grande porte que exigem grandes quantidades de energia para o seu funcionamento, como nas indústrias e hospitais. 

Neste texto, vamos mostrar como o gerador a diesel é diferente do modelo a gasolina, de que modo funciona e quais são as aplicações comuns. Confira!


Geradores para locação

60kVA a 500kVA – Solicite orçamento agora


Para que serve o gerador a diesel?

O gerador a diesel serve como uma fonte alternativa de energia para negócios de diferentes setores que empregam máquinas de grande porte por longos períodos ou initerruptamente. A partir dos geradores a diesel, esses equipamentos são alimentados em plenitude ininterrupta de eletricidade, ou no modelo stand by, onde a eletricidade produzida pelo gerador é consumida quando há falha ou interrupção no fornecimento público de energia.

Essa solução é essencial para resguardar diversos empreendimentos que não podem ter suas máquinas paradas, como hospitais, indústrias e shoppings.

Por isso, o gerador a diesel é um ótimo investimento para as empresas, já que ele pode trazer diversos benefícios essenciais para que continuem suas operações ou para fornecer fonte de energia para máquinas pesadas e operações em áreas remotas, como no caso da mineração.

Como funcionam os geradores a diesel?

Um gerador a diesel é capaz de sustentar máquinas e equipamentos durante a ausência de energia elétrica durante um período. Como mostramos, as diferenças desse modelo e os movidos a gasolina são apenas em relação à maneira como o combustível é queimado e a economia que esse processo pode proporcionar.

O seu funcionamento é dividido em três etapas. A queima de combustível é o primeiro passo desse processo. Ela ocorre no motor do gerador — que também é conhecido como sistema de ignição — onde o ar do gerador é sugado até a sua compressão e, em seguida, o diesel é injetado. 

A partir do contato do combustível com o ar, o gerador faz com que o diesel inflame, entrando em combustão e dando início ao processo de gerar energia. Em seguida, temos a segunda etapa conhecida como troca de energia. Com a queima do combustível, o eixo central do gerador é movimentado, produzindo energia mecânica.

Com isso, o alternador do equipamento consegue transformá-la em energia elétrica. Para isso, são utilizados os princípios básicos da indução eletromagnética. Por último, temos o processo de abastecimento. Essa etapa envolve o requisito mínimo para que o gerador continue funcionando: o combustível.

Por isso, o equipamento deve ser abastecido com certa periodicidade para garantir que o gerador continue funcionando sem nenhum tipo de problema. Para isso, é necessário tomar alguns cuidados, como:

  • manter o gerador em um local adequado (evitando acidentes com produtos inflamáveis);
  • evitar contato com o equipamento durante o uso;
  • garantir uma boa ventilação para evitar gases tóxicos que são liberados na queima.

Além disso, os tanques do gerador a combustível não funcionam com água acumulada. Por isso, a manutenção preventiva é extremamente necessária para evitar problemas posteriores. O acúmulo de água pode causar danos permanentes e tornar a máquina inutilizável.

Quais as diferenças entre o gerador a diesel e a gasolina?

Ao contrário do que muitos podem achar, os geradores a diesel e a gasolina apresentam grandes diferenças, principalmente na questão de performance ao gerar energia. Separamos os principais pontos para você avaliar qual é a melhor alternativa para alimentar máquinas e equipamentos pesados.

Preço

Ainda que o preço do diesel seja maior que o da gasolina, os geradores que utilizam esse tipo de combustível têm uma enorme diferença: os custos de manutenção são menores.

Além disso, os modelos a gasolina tendem a gastar mais combustível. Afinal, a gasolina queima mais rápido que o diesel, o que acaba encarecendo, em muito, o seu uso. Nesse sentido, o gerador a diesel, mesmo exigindo um investimento maior, apresenta um custo-benefício muito superior ao outro modelo. Ele é capaz de produzir muito mais energia, com mais autonomia e com um consumo inferior.

Potência

Além do investimento em um gerador a diesel trazer uma economia ao longo do tempo, esse equipamento também é capaz de apresentar uma performance superior aos modelos movidos a gasolina. Isso ocorre devido à forma como eles funcionam. Os tipos a diesel têm mais poder de duração e período de manutenção mais ocasional. Por isso, são mais indicados para setores que necessitam de energia constante.

Assim, eles são capazes de suportar várias horas em casos de queda de energia até que a situação seja normalizada. Por isso, os geradores a diesel são muito mais eficientes quando comparados aos geradores a gasolina, que suportam menos tempo e exigem mais combustível.

Nesse sentido, o gerador a gasolina é mais recomendado para uso doméstico ou esporádico, já que ele apresenta uma performance inferior. Em contrapartida, os modelos movidos a diesel são mais indicados para empresas e negócios com máquinas que demandam mais energia contínua para o seu funcionamento.

Impacto na natureza

Aqui, os geradores a diesel ficam atrás dos movidos a gasolinas, já que eles conseguem ser mais silenciosos e menos poluentes. Isso ocorre pois os modelos a diesel geram mais ruídos devido às engrenagens e os demais itens internos, além de emitir elementos poluentes durante o seu funcionamento. 

Porém, ainda que esse seja um problema, ele pode ser contornado. Para isso, é necessário realizar uma manutenção regular e eficiente na máquina para que os níveis de poluição sejam menores. 

Pronto! Com isso, apresentamos as principais aplicações do gerador a diesel e como se dá o seu funcionamento. Devido às suas características, esse equipamento é mais indicado para usos industriais, principalmente considerando suas exigências de segurança. Assim, é possível manter atividades e alimentar máquinas pesadas para executar projetos.

Ficou interessado em um gerador a diesel? Na Armac você pode alugar esse equipamento e aproveitar seus benefícios. Para isso, entre em contato agora mesmo com um de nossos consultores e veja as nossas opções!