Conheça 5 tipos de rolo compactador

  • Rolos Compactadores

A compactação do solo é uma etapa muito importante para a preparação das rodovias em nosso país. Se houver falhas nessa fase da construção das ruas, todas as demais camadas colocadas acima dela ficam comprometidas, sendo necessário refazer o serviço.

Por isso, conhecer os tipos de rolo compactador, incluindo suas características e benefícios em diferentes obras, é essencial para os profissionais da área. Isso envolve identificar as principais máquinas e as respectivas capacidades do rolo vibratório.


Rolos compactadores para locação

Pé de carneiro, Liso, Tandem e Mini rolos. Acesse


Aqui, você vai descobrir uma ótima opção para a locação de equipamentos. Quer saber quais são as vantagens competitivas conquistadas pelas empresas que utilizam esses maquinários? Acompanhe a leitura!

Quais são as principais características do rolo compactador de solo?

A compactação do solo tem como objetivo diminuir o volume vazio entre as partículas a fim de garantir uma superfície totalmente estável e homogênea. Dessa maneira, o solo se torna mais resistente e impermeável antes das próximas fases, como o asfaltamento.

Os rolos compactadores, por sua vez, são equipamentos que tem como finalidade justamente reduzir e comprimir superfícies que contam com relevante quantidade de resíduos ou de solo, sendo que eles podem usados para a construção de vias, por exemplo, e até mesmo para a compressão de superfícies para diferentes tipos de edificações.

Antes do surgimento dos rolos compactadores, diversas máquinas e muitos operários precisavam trabalhar nessa atividade, o que deixava o processo mais oneroso, lento e desgastante. Contudo, com a evolução do maquinário no setor de construção civil, houve uma revolução no mercado de máquinas pesadas com a sua criação, gerando a diminuição de custo com mão de obra e a otimização do tempo.

Durante a compactação do asfalto, o rolo vibratório é capaz de compactar materiais para garantir a durabilidade do asfalto e selar a superfície para que a água não consiga penetrar em sua estrutura. Já nas atividades que envolvem a terraplenagem, a compactação tem como finalidade preencher os espaços vazios no solo, aumentando a sua capacidade de suporte.

Assim, o rolo compactador permite que uma camada superficial mais estável e uniforme, que suporta cargas mais altas e é resistente às alterações climáticas e ao desgaste, seja obtida. Por isso, esse processo é muito importante para diminuir os riscos graves de uma obra, desde o começo até o final do empreendimento.

Quais são os 5 principais tipos de rolo compactador?

Conhecer os tipos de rolo compactador é muito importante para que a pavimentação seja bem-sucedida. Cada modelo tem a sua função e uma destinação para o trabalho com determinado material.

Como vimos, em geral, esses equipamentos são utilizados em estradas recém-asfaltadas, mas também em terraplenagens quando a finalidade é o preenchimento de espaços no solo para aumentar a sua capacidade de suporte. A seguir, vamos apresentar os principais tipos de rolo compactador para que você entenda a funcionalidade de cada um deles!

1. Rolo liso

Conhecido como single-drum, o rolo liso é um compactador de um único cilindro vibratório. Dentre os diferentes tipos de rolo compactador, esse é o mais conhecido. Seu objetivo consiste em compactar a base em serviços de mão de obra prestados para a construção de asfaltos ou terraplenagem. O modelo pode causar danos às tubulações enterradas e construções, caso os operadores se descuidem.

O equipamento conta com um grande peso no eixo central, e assim que o movimento rotativo é acionado, o cilindro começa a vibrar, golpeando o solo diversas vezes por segundo. Dessa forma, a força é potencializada e as vibrações facilitam a compactação, reduzindo o atrito entre as partículas e, consequentemente, são geradas vibrações do chão até as janelas próximas.

Assim, como esse tipo de equipamento é capaz de danificar tubulações enterradas, edificações próximas e outros obstáculos na região, ele não é indicado para determinados locais e aplicações, como em obras dentro dos centros de cidades.

2. Pé de carneiro

O rolo pé de carneiro pode ter um cilindro liso revestido com uma capa para transformá-lo em pata ou em um cilindro com patas. A escolha depende da preferência dos profissionais que vão utilizá-lo, já que alguns optam pelos lisos, devido à versatilidade, ao invés do modelo com patas. Essas peças penetram o solo de maneira superficial.

Então, o equipamento eleva a área de contato do rolo e quebra as partículas por coesão. Isso propicia a compactação do material mediante a evaporação. Vale destacar que a umidade auxilia e possibilita a aplicação do compactador, pois o solo não pode estar totalmente seco para garantir o sucesso da operação.

Caso contrário, é necessário adicionar uma quantia de água para permitir a compactação. Já o solo encharcado, por sua vez, deixa o equipamento saturado. A origem do nome pé de carneiro surgiu dos produtores rodoviários romanos que compactavam estradas com rebanhos de ovelhas, fazendo-as andar sobre o material usado como base.

O rolo pé de carneiro funciona entre 6 e 10 km/h e, em geral, são exigidos de 6 a 10 ciclos para que a densidade ideal seja atingida — o que equivale a algo entre 12 e 20 idas e voltas da máquina.

3. Tandem

O rolo compactador tandem é composto por um cilindro vibratório duplo, que serve para compactar as camadas de asfalto. Como esse modelo não tem pneus de tração, ele não cria marcas nas rodovias em que atua.

Capaz de compactar outros materiais além da manta asfáltica, como a brita, o aparelho garante maior durabilidade às rodovias. Em geral, ele é usado especialmente para a compactação de camadas asfálticas e costuma funcionar adequadamente nas etapas finais de vias locais e rodovias.

4. Combinados

Os rolos combinados contêm pneus de borracha no eixo traseiro e um cilindro dianteiro vibratório. Eles funcionam melhor em obras menores, como pequenos reparos ou fechamentos de buracos no asfalto, não sendo indicados para obras de grande porte. Entregam, portanto, alta utilidade para a compactação de aclives, consertos em estacionamentos, ruas com pouco tráfego, ciclovias, pequenos acessos etc.

Compactadores combinados não são planejados para uso em obras maiores que exigem capacidade superior. Nessas situações é mais indicado utilizar o tandem ou pneumático, pois o combinado demanda cuidados extras na hora da passagem sobre o solo. Esse tipo de rolo cumpre papel essencial para que todas as áreas recebam cobertura da passagem dos pneus.

5. Pneumáticos

Os rolos pneumáticos são fabricados para selagem e acabamento em rodovias asfaltadas. A composição engloba pneus dianteiros colocados entre aqueles posicionados no eixo traseiro para assegurar a largura da rolagem. Trata-se de um equipamento estático que compacta viadutos, pontes e outros locais onde não pode ocorrer a compactação vibratória em razão do risco de dano às estruturas.

Um rolo pneumático é diferente dos que apresentam cilindros vibratórios. Afinal de contas, gera ondas pela vibração. O item serve para a compactação do solo em obras de pequeno e médio porte. Seus pneus operam de cima a baixo e criam a pressão e a força de manipulação que variam conforme o peso do lastro. Por essa razão, são recomendados para aplicações especiais e solos finos.

Quais são os benefícios do rolo compactador?

Os rolos compactadores são indicados para diversos tipos de obras. Eles agilizam os trabalhos que eram realizados por outros aparelhos a partir da prática de procedimentos desgastantes e muito lentos.

Os maquinários da construção civil estão sempre evoluindo e essa categoria de equipamentos pesados impactou o mercado por conta da sua capacidade de emprego em edificações, aterros sanitários, rodovias, entre outros cenários.

Incluídos na linha de veículos pesados, os produtos entregam inúmeras aplicações capazes de beneficiar bastante a sociedade. Eles diminuem e comprimem as superfícies e os resíduos para as construções de edifícios e rodovias. A maior parte das peças geralmente é feita de aço, e há o recurso de tração complementar buscando a otimização das tarefas.

Os rolos compactadores entram em cena na fase mais importante para a compactação do solo que suporta as estruturas e o asfalto. A falta desses equipamentos ou o uso inapropriado do rolo compromete o andamento das atividades e causa problemas estruturais depois da conclusão das obras, já que as falhas se tornam visíveis após certo período.

O que deve ser observado ao escolher um rolo compactador?

Existem diversos fatores que devem ser levados em consideração no momento de optar por um rolo compactador, uma vez que, como vimos, existem diversos tipos que contam com características distintas.

Cargas e pesos

No que diz respeito à carga os pesos operacionais podem variar de 1.2t a 27t. Existem os modelos minis que contam com peso operacional de menos de 2.00 kg. O Dynapac CC900G, por exemplo, suporta 1.250 kg, enquanto os modelos Bomag BMP 8500 e Dynapac D.One suportam 1.595 kg.

Existem modelos maiores que têm o peso operacional de 26.000 kg (lastreado), como o SANY SPR260, enquanto o modelo SANY SPR200 suporta 20.000 kg (lastreado). Já as opções intermediárias têm peso operacional de aproximadamente 10.000 kg, como os modelos DYNAPAC CC424HF e Dynapac CA250.

Potências de motor

Com relação a potência do motor, os modelos minis apresentam 19 hp e as opções mais robustas 125 hp. Já outros maquinários podem ter 110 hp (como o Dynapac CA250), 118 hp (como o modelo DYNAPAC CP2100). Uma das opções com maior potência é o modelo XCMG XS123PDBR que tem 130 hp.

Largura do rolo

A largura do rolo é mais um fator relevante e que deve ser considerado, afinal, ao optar por um modelo com rolo maior do que o terreno não é possível realizar o trabalho. Por outro lado, ao escolher uma máquina com rolo muito pequeno será preciso passá-la mais vezes no local.

As opções minis têm largura de rolo a partir de 61 cm, ideais para locais compactos e estreitos. Os modelos Dynapac D.One e Bomag BMP 8500, por exemplo, tem largura variável de 61 a 85 cm e, portanto, você pode escolher a opção mais adequada para cada local.

As máquinas maiores, como SANY SPR200 e SANY SPR260, têm rolos com 2.25 m. Os demais modelos podem ter larguras de rolo variáveis, como 1.73 m (DYNAPAC CC424HF), 2.13 m (XCMG XS122PD, XCMG XS123PDBR e Dynapac CA250) ou 1.80 m (DYNAPAC CP2100).

Assim, optar pelo rolo compactador adequado ao trabalho é fundamental para que o terreno seja preparado de maneira ágil e com eficiência, uma vez que esse maquinário contribui para a consistência da sua produtividade, pois são capazes de cobrir uma maior área em menos tempo.

Cabine

O tipo de cabine também é importante, a depender da atividade que vai ser desempenhada. Existem máquinas com cabine aberta (como DYNAPAC CC424HF), cabine fechada com ou sem ar-condicionado (climatizadas) e segurança ROPS/FOPS. Inclusive, há modelos minis sem cabines que são operados por controle remoto (como o Dynapac D.One e o Bomag BMP 8500).

Os modelos podem ter cilindro frontal com rodas traseiras, ou cilindro frontal e traseiro. Há, ainda, a possibilidade de implementar o cilindro liso com a chapa pé de carneiro a depender da opção escolhida.

Dessa maneira, cada tipo de rolo compactador atende a determinadas especificidades, sendo preciso analisar as suas necessidades de trabalho para optar pelo modelo mais adequado. Independentemente de sua escolha, todos os maquinários proporcionam mais segurança à operação e ao operador, uma vez que se tratam de equipamentos com alta tecnologia.

Optar pela locação

Uma excelente alternativa para não ter que se preocupar com as questões relacionadas à manutenção do rolo compactador é optar pelo aluguel desse tipo de maquinários. Dessa maneira, é possível concentrar os seus esforços apenas no bom andamento da operação central.

Após a leitura deste post, agora você já conhece os 5 principais tipos de rolo compactador e sabe quando utilizar cada um deles! Lembre-se que a Armac é uma ótima opção para a locação de equipamentos, inclusive de rolo vibratório, oferecendo muitas vantagens aos seus clientes, afinal, somos uma empresa líder nacional do segmento, com atendimento a setores essenciais, como agronegócio, construção civil e indústria, sempre com excelente capacidade técnica.

Precisa de rolos compactadores para sua operação? Então, acesse nosso portfólio exclusivo de locação para ter acesso aos melhores fabricantes e modelos do mercado! Se precisa de qualquer outra máquina de linha amarela ou equipamento de apoio, visite nosso portfólio geral e consiga a máquina ideal para seu projeto, independentemente da sua demanda!