Quais as vantagens de alugar equipamentos pesados para construção civil?

  • Engenharia

Afinal de contas, comprar ou alugar os equipamentos pesados para construção civil? Eis a questão! Da forma como percebemos, esse é um grande dilema que paira sobre os empresários do ramo, que precisam conciliar sua capacidade de investimento com a necessidade de um bom maquinário.

Por isso, desenvolvemos este post completo para ajudar na sua decisão. Como perceberá na leitura, listamos as características de ambas as soluções, demonstrando como a locação pode ser uma alternativa mais viável e eficiente para o seu negócio. Então, sem demoras, vamos ao tema!

Vale mais a pena comprar ou alugar?

A resposta para essa pergunta é: depende! Pois tanto a compra como a locação apresentam vantagens específicas sobre a sua operação financeira, sendo importante avaliar esses detalhes e identificar a compatibilidade com o seu negócio.

A grosso modo, existe uma noção de que é sempre interessante possuir as máquinas empregadas constantemente, e locar aquelas de uso mais eventual. No entanto, essa não é uma regra de mercado, de modo que existem algumas exceções que podem ser levadas em consideração. Abaixo, demonstramos algumas ideias que podem ajudar nessa consideração. Veja!

O que avaliar na locação de equipamentos pesados para construção civil?

Primeiro, é importante entender o seguinte: a melhor opção sempre será aquela que atende a sua operação, conciliando economia, disponibilidade e produtividade. Agora, vamos a algumas ferramentas que podem ajudar na sua decisão. A primeira delas é o TCO. A sigla denomina um termo inglês, Total Cost of Ownership, sendo, portanto, uma métrica que indica o Custo Total de Propriedade.

Para encontrar o TCO você deverá somar o preço de aquisição aos gastos estimados durante a vida útil desse equipamento, como manutenção, seguro, transporte, armazenamento, entre outros. Depois, você pode subtrair a rentabilidade que espera ter na revenda dessa máquina. Feito isso, o TCO é obtido.

O segundo passo é avaliar o índice de utilização desse maquinário, que aponta o quão frequente é a necessidade por esse equipamento no seu ambiente de trabalho. Para isso, você aplica um intervalo de referência, por exemplo, um mês com 30 dias totais e 22 trabalhados.

Então, analisa em quanto desses 22 dias o equipamento é utilizado. Veja alguns cenários:

  • máquina empregue em 14 dos 22 dias — 14 / 22 = 63% de taxa de utilização;
  • máquina empregue em 7 dos 22 dias — 7 / 22 = 31% de taxa de utilização;
  • máquina empregue em 3 dos 22 dias — 3 / 22 = 13% de taxa de utilização.

A esse ponto, você saberá tanto o custo de propriedade como a taxa de utilização. Com isso, você analisa e compara qual alternativa vale mais a pena para a sua operação: comprar ou locar. No entanto, existem detalhes muito importantes que fogem a esse cálculo e que você deve considerar na sua decisão.

O mais importante deles é a disponibilidade. Quer um exemplo disso? Pois bem, imagine que você tem um equipamento fundamental à sua operação, como uma pá carregadeira. Entretanto, por qualquer que seja o motivo, esse maquinário apresentou problemas e deixou de funcionar. E agora, o que fazer?

Nesses casos, possuir a máquina significa tanto arcar com os seus custos de manutenção como com as consequências à sua produtividade. Afinal de contas, sem o equipamento, a tendência é que você perca produtividade, extrapolando prazos, adiando etapas e tomando decisões precipitadas.

É nesse momento que a locação de equipamentos se destaca. Pois veja, ao alugar as máquinas com uma empresa referencial nesse segmento, você aumenta a sua previsibilidade operacional. Para explicar isso, podemos recorrer ao mesmo exemplo. Digamos que, por um motivo aleatório, o equipamento alugado apresente problemas.

Diferente do que acontece quando se é proprietário, aqui, basta entrar em contato com a locadora, que estará de prontidão para fazer o procedimento corretivo ou substituir a máquina em um curto espaço de tempo, sem cobrar a mais por isso e nem prejudicar o seu tempo ou produtividade. Percebe? Esse é o tipo de detalhe subjetivo, que não entra na conta, mas faz toda a diferença na qualidade e velocidade da sua retomada ao trabalho.

Quais as vantagens de locar equipamentos pesados?

Então, realizado o cálculo e descoberto o melhor negócio, chega o momento de conhecer as vantagens competitivas da locação e como elas impactam o seu negócio. Veja!

Economia

A vantagem mais objetiva de todas. Afinal, não é segredo para ninguém que os equipamentos da construção civil contam com preços elevados, de modo a exigirem certo planejamento e disposição financeira do seu negócio.

O aluguel dessas máquinas permite o enxugamento da operação, pois você não será onerado com os custos de propriedade, mas ainda aproveitará a produtividade desse equipamento ao menor custo possível.

Margem

Em um complemento ao benefício anterior, há a margem de reinvestimento. Pois veja, digamos que você ponderava comprar uma escavadeira, mas, então, após o cálculo de utilização e TCO, entende que é melhor alugá-la.

Optando pela locação, o seu caixa deixa de realizar o enorme gasto da compra. A diferença é que você pode aplicar esse valor ocioso no reinvestimento sobre a operação, alavancando algum ponto estratégico da sua atividade.

Agilidade

Essa é uma vantagem pontual da locação. Não há como negar que ter o maquinário garante maior disponibilidade. Por conta disso, uma boa empresa de locação entende que a agilidade é determinante para rivalizar com a modalidade de compra.

Como alugar os equipamentos pesados para construção civil da Armac?

Agora, é momento de aprender como você pode empregar as nossas máquinas no cotidiano da sua empresa. Como perceberá em nosso portal, somos comprometidos com a objetividade técnica e a melhora dos seus resultados. Por isso, todo o processo de locação é super simples, inteligente e intuitivo. Veja:

  1. acesse o nosso portal de Orçamento;
  2. clique no botão “Escolher equipamento”;
  3. selecione a máquina do seu interesse e clique no botão “Aplicar”;
  4. regule a quantidade da máquina nos botões “+” e “-”;
  5. clique em “Adicionar outro equipamento” e repita os passos 3 e 4 conforme a sua necessidade;
  6. então, selecione o Estado e digite a Cidade em que o serviço será executado;
  7. logo abaixo, descreva o período de uso em dias ou meses;
  8. por fim, informe seu nome, e-mail, empresa e telefone.

Pronto! Em pouquíssimo tempo, você será contatado pelo nosso time de especialistas e orientado sobre os valores, condições e qualquer outra dúvida que tenha acerca do negócio.

Quais os diferenciais da Armac no mercado?

Experiência, presença e reputação. Sem sombra de dúvidas, essas são as qualidades-chaves para o sucesso, expansão e posicionamento da Armac no Brasil. A começar pela experiência, um atestado lógico de tempo de mercado, pois nós contamos com mais de quatro décadas de atuação no país.

Em um segundo momento, a nossa presença inigualável no segmento. Hoje, atuamos em mais de 60 cidades brasileiras, entre os oito estados-vetores da construção civil nacional, localizados nas regiões centro-oeste, sul e sudeste. Para atender esse público, contamos com mais de 600 máquinas de alto desempenho e sofisticação tecnológica.

Para finalizar, destacamos a nossa reputação, que resulta dos mais de 25 anos de comprometimento com os resultados dos nossos clientes, oferecendo máquinas de ponta por meio de condições transparentes, que a longo prazo se transformam em parcerias duradouras.

Por isso, convidamos você para conhecer nossa linha de equipamentos pesados para construção civil. Para tanto, entre em contato com a nossa equipe!

AS MELHORES MARCAS, O MELHOR SERVIÇO, E UM PARCEIRO QUE SEMPRE TEM O MELHOR PREÇO